Diabetes gestacional

Tempo de leitura: 2 minutos

Diabetes gestacional

Doença silenciosa que atinge a mulher na gravidez, o diabetes gestacional pode causar danos à saúde da mãe e do bebê se não diagnosticado e tratado corretamente.

Subject: On 2013-04-16, at 4:36 PM, Milne, Vanessa wrote: Pregnant woman dreamstime_l_5928965.jpg

O diabetes gestacional é caracterizado pelo aumento dos níveis de açúcar no sangue. Durante a gravidez ocorre uma produção de hormônios pela placenta que podem bloquear a ação da insulina, responsável pelo transporte da açúcar do sangue para as células. A partir da 24 semana de gestação, o nível desses hormônios começa a ficar mais elevado, fazendo com que a insulina tenha mais dificuldade de exercer sua função e aumentando as chances de desenvolver o diabetes gestacional.

Consequências  do Diabetes Gestacional:

Para mãe – Risco de ter pré-eclâmpsia (hipertensão na gestação), aborto, parto prematuro e ganho de peso excessivo.


Diabetes gestacional 4Para o bebê
–  O bebê nasce muito grande, pode nascer com 4 quilos , ser um prematuro, apresentar insuficiência pulmonar, maior chance de desenvolver icterícia, sofrer traumatismos, fraturas ao nascer ou morte súbita fetal.

Além disso, como cerca de dois terços do açúcar da mãe vão para o bebê, a quantidade extra de glicose no corpo sobrecarrega o pâncreas da criança, que passa  a produzir mais insulina.

Se a doença não for tratada adequadamente, há o risco do bebê ter hipoglicemia (teor de glicose no sangue abaixo do normal) ao nascer e terá dificuldades na amamentação.

Já na vida adulta, o bebê terá grandes chances de desenvolver diabetes tipo 1 e síndromes metabólicas.

Que tipo de mulheres podem desenvolver o diabetes?

Histórico de diabetes na família,Diabetes gestacional 5

Engordam muito durante a gravidez,

As que tem a primeira gestação depois dos 25 anos de idade e

Mulheres com cistos no ovário.

Seu obstetra ou um endocrinologista vão orientá-la sobre como controlar a taxa de açúcar no sangue, reduzindo o consumo de doces e bebidas com cafeína.

diabetes-gestacionalVocê receberá orientações sobre como se alimentar. O melhor é fazer refeições pequenas e frequentes, em vez de comer muito de uma vez só nas refeições.

A gestante com diabetes gestacional precisará ir mais vezes as consultas do pré-natal e se for necessário o obstetra irá pedir mais ultra-sons para verificar o crescimento do bebê e o volume de líquido amniótico.

Converse com seu médico, alimente-se bem e curta sua barriga.

Sobre Flávia Rohan

Consultora em Amamentação, Fonoaudióloga, Psicomotricista, Pós-graduada em Motricidade Oral e Audiologia Clínica.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *